Património Rural

Património Rural/Paisagens Culturais” é o tema do dia Internacional de Monumentos e Sítios celebrado no próximo dia 18 de Abril.

O Dia Internacional dos Monumentos e Sítios foi criado pelo ICOMOS a 18 de Abril de 1982 e aprovado pela UNESCO no ano seguinte. Desde essa data, este evento comemorativo tem vindo a ofertar a oportunidade de aumentar a consciência pública relativamente à diversidade patrimonial e aos esforços necessários para a sua protecção e conservação.

Tendo por base a directiva proposta pelo ICOMOS, o Instituto de Gestão do Património Arquitectónico e Arqueológico (IGESPAR) procurará apresentar uma programação de sensibilização para este universo patrimonial, lançando o tema «Património Rural/Paisagens Culturais». “Optimizando os programas dos serviços dependentes do IGESPAR, elaborando novos projectos e iniciativas em parceria com outras entidades, convidando as Direcções Regionais de Cultura, os Museus, os Municípios e outras entidades públicas e privadas a associarem-se, promovendo a colaboração de instituições culturais e científicas, pretende-se divulgar actividades atractivas para o público em geral, alargadas a todo o país”.

“A actividade agrícola testemunha há milénios a evolução das sociedades humanas, seus ambientes
naturais, culturas e paisagens, e tem conduzido à transformação gradual de espaços naturais e áreas
selvagens através da aplicação de conhecimentos tradicionais e científicos.
Desta actividade resulta um conjunto de testemunhos que constituem um importante e valioso património
que importa conhecer e salvaguardar e cuja sustentabilidade urge garantir. Deste universo patrimonial
constam elementos tão diversos quanto paisagens cultivadas ou transformadas, acervos museográficos
de alfaias agrícolas, produção científica e tecnológica, arquitectura vernacular, saberes e sabores, usos e
costumes”.

O IGESPAR, à semelhança de edições anteriores, procurará promover a divulgação do Dia Internacional de Monumentos e Sítios através de uma estratégia de comunicação concertada, de modo a que o público tenha conhecimento do programa nacional e possa participar nas actividades.
Algumas sugestão de actividades:

– visita a espaços relacionados com a investigação científica agrária (laboratórios, jardins botânicos, escolas, institutos, faculdades, regiões de produção vitivinícola demarcada, regiões de produção de origem controlada, etc).
– visita a espaços relacionados com a produção agrícola (quintas e escolas agrícolas, espaços de turismo e património rural).
– visita a museus, monumentos, edifícios e sítios com ligação à produção agrícola.
– organização de exposições, workshops, palestras, conferências, leituras, etc, dedicadas a este tema.
– produção e edição de publicações e de material de apoio a visitas e percursos temáticos.
– concepção de actividades pedagógicas para crianças e jovens em contexto familiar (já que se trata de um domingo), destinadas à sensibilização para o património agrícola.
– realização de acções de sensibilização destinadas ao público em geral e com o objectivo de envolver a comunidade nas actividades ligadas à ancestralidade da produção agrícola.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s